As pessoas passaram por tempos difíceis e lutaram para alcançar a igualdade de direitos que nos permitem viver na sociedade moderna que estamos habituados. Hoje em dia, todos podem escolher os hobbies e os empregos que querem seguir.

Mesmo a moda mais excêntrica não nos impressiona hoje. Mas nem sempre foi assim e às vezes é difícil acreditar que essas coisas comuns já foram realmente consideradas, para alguns, inovadoras ao mesmo tempo que chocantes.

Reunimos 20 fotos históricas que desafiaram as normas da moral pública no passado.

A primeira mulher a disputar uma maratona

Em 1967, Kathrine Switzer foi a primeira mulher a disputar a maratona de Boston. Tal fato ocorreu 5 anos antes que as mulheres pudessem participar da maratona. Nesta imagem, um organizador está tentando retira-la da prova.

O vestido justo

A supermodelo inglesa Jean Shrimpton está usando um vestido justo durante as corridas em Melbourne. Sua roupa causou um verdadeiro furor entre os convidados em 1965.

Vestidos curtos

Essas 2 meninas usavam vestidos curtos em Capetown em 1965.

A origem das tatuagens

Maud Wagner, a primeira tatuadora conhecida, também cobriu seu próprio corpo com tatuagens. (1907)

Pernas de fora

Women in shorts cause car to "crash" into pole

Essas 2 meninas foram as primeiras a aparecer com pernas descobertas em público em Toronto. (1937)

Mulheres votando em mulheres

Os membros britânicos do Movimento do Sufrágio das Mulheres lutaram pelo direito de votar em mulheres. (Londres, 1906)

Smoking para mulheres

Em 1966, Yves Saint Laurent “deu” a roupa mais masculina, um smoking, às mulheres.

O surgimento do maiô

Annette Kellermann, uma nadadora profissional, atriz de cinema e escritora, apresenta ao mundo o maiô. Ela foi presa e acusada de comportamento indecente em 1907.

Movimentos de combate ao maiô

Nos EUA, havia uma liga especial composta por “defensores da moralidade”, que lutavam contra os maiôes indecentes. Nesta foto, a atriz Lila Lee usa um traje de natação tradicional da década de 1920.

Prisão pelo uso do maiô

Esta mulher está sendo presa por vestir um maiô e ter as pernas descobertas. (Chicago, 1922)

Negros frequentando a escola

Elizabeth Eckford era membro de um grupo de estudantes afro-americanos que eram os primeiros estudantes negros a frequentar as aulas. Esta foto foi tirada em 1957, logo após o Supremo Tribunal dos Estados Unidos ter decidido que era ilegal segregar crianças nas escolas.

Mulheres na F1

Maria Teresa de Filippis era uma piloto de corrida italiana. Ela foi a primeira mulher a competir na Fórmula 1.

O surgimento do basquete feminino

Senda Berenson era uma esportista americana e idealizadora do basquete feminino. Modificou as regras masculinas de basquete existentes, inventadas em 1891.

Mulheres bonitas e a ciência

Hedy Lamarr era uma atriz e inventora americana que acabou com estereótipos sobre mulheres bonitas e ciência.

Protesto pela liberdade da vestimenta feminina

Membros da “Organização das Mulheres para Guerra” picaram uma loja de roupas em protesto contra saias mais longas e quadris acolchoados. (Califórnia, 1947)

Ônibus para brancos

Rosa Parks teve suas impressões digitais tomadas após sua prisão, pois se recusou a ir atrás de um ônibus “para pessoas brancas” (Alabama, 1956).

O surgimento da minissaia

Mary Quant foi um designer que criou uma revolução ao oferecer às mulheres uma minissaia.

O fim do espartilho obrigatório

Paul Poiret era um designer de moda francês que deixou as mulheres livres de espartilhos.

Li no Brigth Side e achei bem interessante.

E aí? O que você achou dessas curiosidades? Deixa a sua opinião nos comentários. 😉


Like it? Share with your friends!

DEIXE SEU COMENTÁRIO